Portuguese English Spanish
Entrar

Entrar

Faça seu login
ou use sua conta
Lembrar-me

Create an account

Campos marcados com * são obrigatórios
Nome (*)
Nome de usuário (*)
Senha (*)
Confirmação de senha (*)
Email (*)
Confirmação de email (*)
BUSCA

Ecoponto na escola: descarte adequado para o lixo eletrônico

Chumbo, mercúrio e cádmio são alguns dos metais pesados presentes no lixo eletrônico e extremamente prejudiciais à saúde humana. Por isso, quando descartado de maneira incorreta, esse tipo de material pode liberar substâncias tóxicas que contaminam o ar, o solo e até os lençóis freáticos.

Conscientes da importância do descarte correto de pilhas, baterias e outros componentes eletrônicos, as estudantes Letícia Pereira e Rebeca Teles, do Colégio Estadual Doutor Orlando Leite, de Vitória da Conquista (BA), desenvolveram o projeto Ecoponto na escola.

Além de disponibilizar um local para o descarte correto desses resíduos, com a ação os estudantes buscam a conscientização da população quanto à importância do tema e ainda uma maneira de minimizar o impacto ambiental no município. Para elaborar o projeto, no ano passado as alunas fizeram pesquisas, visitaram aterros sanitários, lojas e até a Secretaria de Meio Ambiente de Vitória da Conquista, conforme explica a professora orientadora das estudantes, Alaide de Souza.

Além de criar um ponto de coleta para lixo eletrônico, estudantes percorreram as ruas da cidade divulgando a ação.

“Percebemos que a população não conhece o descarte adequado do lixo eletrônico, bem como os pontos de recolhimento. Também através de entrevistas na Secretaria de Meio Ambiente, percebemos que o município ainda não apresenta uma política ambiental eficaz no controle de recolhimento e destino correto do material eletrônico. Na visita ao aterro sanitário, o administrador do local informou que a cada dez caminhões de lixo que chegam ao aterro sanitário, apenas um é selecionado, em média, para realizar a separação dos diversos tipos de resíduos sólidos. Com a implementação do Ecoponto, a nossa ação inicial foi realizar um trabalho de conscientização na comunidade escolar e seu entorno. Além disso, fizemos uma panfletagem no entorno da escola, visitamos comércios, feira livre, sinais de trânsito, para realizar a conscientização da população, mostrando que a nossa escola é um ponto de coleta”.

Para o futuro, as estudantes pretendem ampliar a parceria com as instituições que recolhem materiais eletrônicos e ainda buscam apoio para implementar o projeto em outros colégios da região.

Se você conhecer algum projeto protagonizado por crianças e jovens que esteja transformando a escola e a comunidade, ainda dá tempo de se inscrever no Desafio Criativos da Escola. O prazo encerra na próxima terça-feira (18). Mais informações em www.criativosdaescola.com.br.

*O prazo foi prorrogado.
Última modificação em Quarta, 30 Novembro 2016 12:25
Avalie este item
(0 votos)
Vacy Alvaro

Jornalista/Fundação Parque Tecnológico Itaipu

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Voltar ao Topo
 
Centro Internacional de Hidroinformática | Parque Tecnológico Itaipu   Mantenedores   Desenvolvido por:
Av. Presidente Neves, 6731 | CEP 85.867-900
Foz do Iguaçu | Paraná | Brasil
+55 45 3576-7038
   
  • Todos os Direitos Reservados