Portuguese English Spanish
Entrar

Entrar

Faça seu login
ou use sua conta
Lembrar-me

Create an account

Campos marcados com * são obrigatórios
Nome (*)
Nome de usuário (*)
Senha (*)
Confirmação de senha (*)
Email (*)
Confirmação de email (*)
BUSCA

Do campo para o centro urbano: estudante produz biogás em condomínio residencial

A utilização do biodigestor gera uma economia anual de R$ 10,8 mil. (Foto: Divulgação/UNILA)
Você já parou pra pensar na quantidade de resíduos orgânicos que produz em sua residência? Agora imagine um condomínio com 720 moradores. São quilos e mais quilos de matéria orgânica gerados diariamente, sem contar os dejetos que vão para o esgoto.

Pensando em viabilizar a destinação ambientalmente correta desse material e ainda gerar uma economia significativa na conta de energia elétrica, a estudante de Engenharia Química da Universidade Federal da Integração Latino-Americana (UNILA), Kelly Borne, realizou um estudo de dimensionamento para implantar um biodigestor em um prédio residencial do centro de Foz do Iguaçu (PR).

O levantamento mostrou que é viável economicamente utilizar o sistema de biodigestor do modelo Reator Anaeróbico de Fluxo Ascendente (RAFA) em um condomínio domiciliar. O biogás, produzido pelo biodigestor, pode ser utilizado diretamente como gás de cozinha ou no aquecimento térmico, sem necessidade de nenhum processo de tratamento ou purificação:

“É basicamente um tanque fechado onde fará a decomposição da matéria orgânica na parte inferior. Na parte superior fica um decantador em formato de cone onde ocorre a saída do gás. No condomínio, ele pode ser utilizado na geração de energia térmica e elétrica.”

Durante o estudo, Kelly e o ex-aluno Jhony Rodrigo da Silva, que também participou do projeto, mediram a quantidade de esgoto e lixo orgânico gerado pelo prédio. A partir desses dados, foram realizados cálculos para dimensionar a biodigestão. Os resultados mostraram que o reator poderia fornecer 15,3 metros cúbicos de biogás por dia:

“O cálculo para capacidade do biodigestor considera a quantidade de biogás produzida pelo condomínio - que é de cerca de 15,3 m³ por dia – e a necessidade na produção de biogás no condomínio – que é de de cerca de 237,6 m³ por dia. Mesmo a necessidade sendo superior que a capacidade de geração de biogás, a utilização do biodigestor é muito vantajosa por que gera uma economia de R$ 10,8 mil anualmente em relação ao uso de gás GLP, além de ser uma tecnologia barata e ambientalmente correta.”

Funcionamento de um biodigestor. (Fonte: Guia de Referência de Cobertura Jornalística de Energias Renováveis)

Os biodigestores são comumente usados na zona rural, onde agricultores utilizam a tecnologia para produzir biogás, a partir de dejetos animais, e utilizá-lo como fonte de energia elétrica, térmica e veicular.

“O principal desafio de um biodigestor no centro urbano em relação àquele construído no campo são os odores que não são muito agradáveis devido a decomposição da matéria orgânica. O biodigestor do campo possui um espaço maior para sua construção, o que ajuda na dispersão dos maus odores.”

O estudo sobre a viabilidade dos biodigestores residenciais foi o terceiro colocado no Prêmio Sanepar de Tecnologias Sustentáveis. Kelly recebeu R$ 5 mil, que pretende utilizar na implantação de um biodigestor em outro projeto realizado pelo Programa SAVE - uma iniciativa de estudantes e professores da UNILA que produz e desenvolve materiais e experimentos científicos que mostrem a importância dos agentes Sol, Água, Vida e Energia (SAVE), além do conceito de economizar para promover a sustentabilidade.
Última modificação em Quarta, 30 Novembro 2016 12:37
Avalie este item
(2 votos)

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Voltar ao Topo
 
Centro Internacional de Hidroinformática | Parque Tecnológico Itaipu   Mantenedores   Desenvolvido por:
Av. Presidente Neves, 6731 | CEP 85.867-900
Foz do Iguaçu | Paraná | Brasil
+55 45 3576-7038
   
Termos de Compromisso  |  Política Privacidade  |  Creative Commons 2014 • Todos os Direitos Reservados