Portuguese English Spanish
Entrar

Entrar

Faça seu login
ou use sua conta
Lembrar-me

Create an account

Campos marcados com * são obrigatórios
Nome (*)
Nome de usuário (*)
Senha (*)
Confirmação de senha (*)
Email (*)
Confirmação de email (*)
BUSCA

Compartilhamento de veículos é sinônimo de sustentabilidade na Itaipu Binacional

Foto: DI Itaipu
É pelas estradas da maior geradora de energia limpa e renovável do mundo, que circula um modelo diferenciado de sustentabilidade e tecnologia. A Itaipu Binacional inaugurou o quarto posto de compartilhamento de veículos elétricos na usina. A iniciativa é inovadora na região. O projeto foi lançado em dezembro de 2016, e já rodou mais de 7.600 km dentro da empresa. Isso deixou de emitir quase uma tonelada de gás carbônico na atmosfera.

O analista de sistemas, Mateus Gimenez do Parque Tecnológico Itaipu (PTI), um dos responsáveis pela plataforma, ressalta a preocupação com a sustentabilidade durante a criação do sistema:

“O apelo de usar veículos elétricos é importante para divulgar tanto a imagem da Itaipu, do PTI e os veículos verdes, e também contribui com a familiarização das pessoas com esse tipo de tecnologia. Você traz tecnologia de ponta para a região, e aí começa a se tornar comum para todo mundo que já viu um veículo elétrico, teve a oportunidade de andar, e isso acaba disseminando a ideia entre as pessoas que convivem naquele âmbito também.”

A frota de compartilhamento possui 11 veículos do modelo Twizy. Todo o desenvolvimento da iniciativa foi feito pela Itaipu, em parceria com a Fundação Parque Tecnológico Itaipu e o Centro de Engenharia e Inovação das Industrias da Mobilidade (CEiiA), de Portugal. O monitoramento das viagens dos automóveis é controlado via aplicativo para smartphones.


Foto: DI Itaipu

Mateus detalha as funcionalidades do App:

“É um sistema que é feito totalmente pensado para a mobilidade da pessoa também, então se faz tudo via celular. Você faz a reserva do carro, inicia as transações tudo via celular. Então é uma praticidade, pensando no bem compartilhado. Diferente de quando você reserva um carro e fica o dia inteiro com ele, e aquele bem está parado, no compartilhamento de carros você visa atender mais pessoas com menos carros, e aí a gente tem um custo de manutenção menor, diminuindo o número da frota.”

Por enquanto, o uso é restrito aos funcionários da usina. Mas segundo Gimenez, a ideia é que isso possa ser replicado para as cidades.

“O sistema de compartilhamento é totalmente pensado para as cidades. Hoje em dia com o preço de se ter um carro, vagas e tudo mais, está ficando cada vez mais elevado, a tendência é que o bem seja compartilhado. Existe em outras cidades do mundo, e com o passar do tempo vai ficando mais comum. Mas com certeza vai dar certo fora também. Aqui dentro é um caso mais tranquilo por ser um ambiente fechado e não está sujeito a questões de roubo, também de depredação de patrimônio, mas isso é um programa comum em outras cidades do mundo.”

Foto: DI Itaipu

A equipe responsável pelo sistema continua elaborando mais inovações para o aplicativo. E até o final do ano, novos PMIs (Pontos de Mobilidade Inteligente) devem ser inaugurados.

Última modificação em Quarta, 09 Agosto 2017 13:17
Avalie este item
(0 votos)
 
Centro Internacional de Hidroinformática | Parque Tecnológico Itaipu   Mantenedores   Desenvolvido por:
Av. Presidente Neves, 6731 | CEP 85.867-900
Foz do Iguaçu | Paraná | Brasil
+55 45 3576-7038
   
Termos de Compromisso  |  Política Privacidade  |  Creative Commons 2014 • Todos os Direitos Reservados