Portuguese English Spanish
Entrar

Entrar

Faça seu login
ou use sua conta
Lembrar-me

Create an account

Campos marcados com * são obrigatórios
Nome (*)
Nome de usuário (*)
Senha (*)
Confirmação de senha (*)
Email (*)
Confirmação de email (*)
BUSCA

Novo sistema agiliza análise do Cadastro Ambiental Rural no Paraná

O o presidente do IAP, Luiz Tarcísio Mossato Pinto, durante apresentação do GeoSicar. (Foto: AEN/Paraná)
O Paraná passa a contar com o sistema GeoSicar para agilizar a análise dos cadastros das propriedades rurais junto ao Cadastro Ambiental Rural (CAR). O sistema foi desenvolvido pelo Instituto Ambiental do Paraná (IAP) em conjunto com o Simepar.

Segundo o presidente do IAP, Luiz Tarcísio Mossato Pinto, o GeoSicar Paraná complementará as ferramentas do sistema Sicar fornecido pelo Governo Federal, que auxilia no planejamento ambiental e monitoramento da vegetação nativa, previsto pelo Novo Código Florestal. O novo sistema do Paraná será interligado ao Sistema de Gestão Ambiental (SGA), utilizados atualmente pelo IAP para licenciamento e monitoramento ambiental.


O GeoSicar irá complementar o Sicar. (Foto: divulgação)

O presidente destaca que com o novo sistema é possível corrigir nos cadastros ambientais:

“O GeoSicar traz a propriedade da pessoa e a gente identifica se realmente houve algum erro quando ele fez o lançamento do cadastro ambiental. O GeoSicar vai dar oportunidade de analisarmos a propriedade dele e ver o que tem que fazer de reposição florestal, sobre a sua reserva legal e sobre as áreas de manancial do Estado”.

O GeoCicar Paraná libera a sobreposição de mapas, imagens de satélite e bases de dados com informações como unidades de conservação estaduais e federais, áreas indígenas, áreas prioritárias para conservação, áreas prioritárias para a recuperação, corredores de biodiversidades, bacias hidrográficas, entre outros.

O sistema garantiu que o Paraná se tornasse o único estado fora do bioma da Amazônia a obter recursos do Fundo Amazônia, administrado pelo BNDES. O fundo disponibilizou R$ 18 milhões para execução do GeoSicar no Paraná. No projeto estão previstos recursos para análise do Cadastro Ambiental Rural (CAR) e para auxiliar no cadastramento de povos e comunidades tradicionais, como quilombolas, faxinais e indígenas.

De acordo com o diretor do Serviço Florestal Brasileiro, Raimundo Deusdará Filho, o CAR possibilita o melhor planejamento de ações integradas no Estado:

“O Cadastro Ambiental Rural sob seu comando permite que o senhor [Governador do Paraná Beto Richa] tenha um novo diagnóstico do seu estado. Que essas ações integradas com a agricultura, ciência, tecnologia, saneamento hoje ela pode ser feita de forma concreta, bem planejada do ponto de vista de criação de políticas públicas”.





Hoje, o Paraná possui 376 mil imóveis rurais cadastrados e cerca de 15 milhões de hectares, ou seja, 98,7% da área passível de cadastramento. O Cadastro Ambiental Rural é um registro eletrônico obrigatório criado pelo Código Florestal e tem o objetivo de ajudar na identificação e na integração das informações, contribuindo para a regularização ambiental das propriedades rurais no País. O cadastramento no CAR deve ser feito por proprietários rurais até o dia 31 de dezembro deste ano.
Última modificação em Sexta, 15 Setembro 2017 12:35
Avalie este item
(0 votos)
 
Centro Internacional de Hidroinformática | Parque Tecnológico Itaipu   Mantenedores   Desenvolvido por:
Av. Presidente Neves, 6731 | CEP 85.867-900
Foz do Iguaçu | Paraná | Brasil
+55 45 3576-7038
   
Termos de Compromisso  |  Política Privacidade  |  Creative Commons 2014 • Todos os Direitos Reservados