Portuguese English Spanish
Entrar

Entrar

Faça seu login
ou use sua conta
Lembrar-me

Create an account

Campos marcados com * são obrigatórios
Nome (*)
Nome de usuário (*)
Senha (*)
Confirmação de senha (*)
Email (*)
Confirmação de email (*)
BUSCA

“Se você toma água, o Fórum é pra você”, destaca Irani Braga

Participantes do Rumo a Brasilia 2018 aproveitam para registrar o momento
Foi o que declarou o secretário executivo do Ministério da Integração Nacional, Irani Braga, durante o Rumo a Brasília 2018, evento realizado em Foz do Iguaçu como preparação ao Fórum Mundial da Água.

Esta será a primeira vez que o Hemisfério Sul recebe uma edição do maior evento global sobre a temática água. Durante seis dias, representantes de diversos setores irão dialogar sobre o assunto em nível global, visando o uso racional e sustentável deste recurso.

De acordo com Irani Braga, a intenção é que o encontro mundial seja também uma oportunidade de debate a cerca de questões importantes sobre os recursos hídricos no Brasil.

A nossa intenção é que ele seja um fórum mundial no Brasil, mas também que ele traga discussões sobre as questões importantes relacionadas à água, desde o gerenciamento dos recursos hídricos, a governança, a sustentabilidade no longo prazo...

O Fórum terá ainda um espaço gratuito, chamado Vila Cidadã, onde a sociedade civil poderá participar de debates, visitar exposições e estandes com soluções e tecnologias socioambientais voltadas para melhorar o uso da água.

A gente espera uma mobilização bastante grande. Nós temos na organização do Fórum um ambiente que é a Vila cidadã, que está sendo construída para isso. A gente espera que circulem por lá entre sete a dez mil pessoas por dia. Esperamos cerca de 40 mil pessoas participando, apenas na Vila Cidadã. Além deles, esperamos que uma parte deles estejam frequentando os outros ambientes do Fórum, onde nós teremos algumas discussões, algumas mais especialistas, outras mais relacionadas com políticas e gestão dos recursos hídricos e com novas fronteiras do conhecimento, algumas voltadas para o setor público… mas nós esperamos que o cidadão de modo geral se envolva com o Fórum”


A edição brasileira terá como tema “Compartilhando Água”. Segundo o representante do Secretariado para Implementações do Fórum, Glauco Kimura, a ideia surgiu a partir das características geográficas brasileiras – como as bacias hidrográficas compartilhadas com outros países – e, a partir dessa premissa, compartilhar soluções, boas práticas e conhecimentos sobre a água.

Esse tema foi cuidadosamente selecionado pela organização brasileira. Não só pelo fato que o Brasil tem como vocação compartilhar água com os países vizinhos – seja recebendo água dos países vizinhos, seja exportando água – nós temos essa responsabilidade de compartilhar água em qualidade e quantidade. Não só isso, mas também o espírito do compartilhar água é compartilhar experiências, soluções e boas práticas. Então o Fórum vai priorizar essa troca de experiências entre países. Então, Brasil, Índia, China, Afeganistão… qualquer país que tenha experiências, o Fórum é o ambiente adequado para se trocar isso”.


Outras inicativas inéditas que estão previstas para o 8º Fórum mundial da Água é a plataforma “Sua Voz”, um espaço online de consulta aberta para que pessoas do mundo todo colaborem e influenciem nas discussões sobre a água aplicada aos cenários clima, pessoas, desenvolvimento, urbano, ecossistemas e finanças. Além disso, juízes e promotores foram convidados a colaborar com propostas para serem apresentadas em Brasília.



8º Fórum Mundial da Água - 18 a 23 de março, em Brasilia (DF)

O Fórum Mundial da Água acontece a cada três anos e é uma iniciativa do Conselho Mundial da Água, uma organização internacional com sede em Marselha, França, composta por representantes de governos, academia, sociedade civil, empresas e organizações não governamentais, formando um significativo espectro de instituições relacionadas com o tema água.

O evento é organizado no Brasil pelo Conselho Mundial da Água (WWC), pelo Ministério do Meio Ambiente (MMA), representado pela Agência Nacional das Águas (ANA), e pelo Governo do Distrito Federal, representado pela Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento do Distrito Federal (Adasa). A Associação Brasileira da Infraestrutura e Indústrias de Base (Abdib) é integrante do Comitê Organizador Nacional (CON).

As sete edições anteriores foram realizadas em Marrakesh (Marrocos, 1997), Haia (Holanda, 2000), Kyoto (Japão, 2003), Cidade do México (México, 2006), Istambul (Turquia, 2009), Marselha (França, 2012) e Gyeongju e Daegu (Coréia do Sul, 2015).


Última modificação em Segunda, 05 Março 2018 17:50
Avalie este item
(0 votos)

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Voltar ao Topo
 
Centro Internacional de Hidroinformática | Parque Tecnológico Itaipu   Mantenedores   Desenvolvido por:
Av. Presidente Neves, 6731 | CEP 85.867-900
Foz do Iguaçu | Paraná | Brasil
+55 45 3576-7038
   
  • Todos os Direitos Reservados