Portuguese English Spanish
Entrar

Entrar

Faça seu login
ou use sua conta
Lembrar-me

Create an account

Campos marcados com * são obrigatórios
Nome (*)
Nome de usuário (*)
Senha (*)
Confirmação de senha (*)
Email (*)
Confirmação de email (*)
BUSCA

PodCast Unesp fala sobre disciplina e reaproveitamento de recursos na agricultura irrigada

O engenheiro agrônomo Rodrigo Franco Vieira, especialista em irrigação da CODEVASF, aponta os destaques da Missão Experiência da Califórnia da Gestão da Água na Agropecuária.

“Durante a missão foram conhecidas diferentes maneiras de se entregar água a agropecuária, desde a distribuição da água, fonte coletiva ou individual, estruturas de sistemas de irrigação com filtragem, emissores diferentes e diferentes condições para fazer a produção de alimentos sob irrigação que é obrigatória na Califórnia”.

“O mais importante foi: primeiro, eles fazem tudo para que seja o mais prático, mais simples possível. Segundo: o modal de transporte. Você vê uma série de armazéns, silos e fazendas, e ao longo deles você tem trens, ferrovias, portos, e isso é um diferencial. Tudo bem, nós não temos tudo isso, então nós temos realmente os melhores agricultores do mundo por que eles conseguem, sem nada disso, competir muito bem e serem os primeiros colocados em muita coisa no mercado mundial principalmente de commodity. Outra coisa que me chamou atenção, é algo que nós temos pregado há muitos anos que é a simplicidade das estações elevatórias. Você não precisa ter casa de bumba, a bumba pode tomar chuva, pode tomar sol, pode tomar neve. Os equipamentos eletrônicos e os inversores de frequência, sim, tem que estar protegido das intempéries. Outra coisa muito importante que me chamou atenção aqui: no Brasil tem que ter um bombeamento individualizado, primeiro pela questão cultural, enfim, mil e uma situações que não são agradáveis… Aqui (Califórnia) não, aqui eles conseguem por causa da disciplina que tem na entrega da água. Além disso, chamou atenção a estação de reuso, que a água eles podem usar em qualquer cultura e sobre qualquer método de irrigação, não tem limitações como há em outros países; a água de reuso sai com 99,9% de pureza, até por que ela passa sobre um raio ultravioleta, por uma desinfecção ultravioleta. E ai perguntamos: quando que nós vamos começar a utilizar a água de esgoto para tratamento? Você não pode desperdiçar tanta água de reuso, e a gente não tem mais o que inventar, não tem mais que inventar roda, a gente tem que simplesmente chegar, copiar e colar o que está sendo feito, por que a gente fica em um preciosismo que não leva a lugar nenhum”.
Última modificação em Terça, 29 Maio 2018 12:53
Avalie este item
(0 votos)
 
Centro Internacional de Hidroinformática | Parque Tecnológico Itaipu   Mantenedores   Desenvolvido por:
Av. Presidente Neves, 6731 | CEP 85.867-900
Foz do Iguaçu | Paraná | Brasil
+55 45 3576-7038
   
  • Todos os Direitos Reservados